Pensando na união de esforços para acelerar o processo de desenvolvimento da Região, o Banco lançou o Fórum BNB de Cidades Médias G20+20 como espaço de diálogo permanente entre a instituição financeira, a iniciativa privada e os prefeitos das cidades.

O Fórum, que tem como missão a mobilização da sociedade para o debate sobre o importante papel das cidades médias no desenvolvimento regional, possui três eixos de atuação: troca de experiências e práticas bem-sucedidas, viabilização de capacitações técnicas, tecnológicas e gerenciais e criação de um ambiente de estruturação de negócios, com ênfase em projetos de parcerias público-privadas voltadas para o setor de infraestrutura.

O evento acontece nos dias 23 e 24 de novembro na cidade sede do Banco do Nordeste, que é  Fortaleza, no Ceará, e vai marcar oficialmente o nascimento do G20+20. A ideia, porém, é que o Fórum BNB de Cidades Médias passe a acontecer anualmente em uma das cidades participantes.

“A programação inclui a realização de uma feira de negócios com a participação da iniciativa privada, de bancos de desenvolvimento nacionais e internacionais, instituições de pesquisa e órgãos de governo, na qual será prospectada uma série de oportunidade devido à interação entre os atores partícipes especialmente de investimentos em infraestrutura social e urbana, tendo em vista as necessidades levantadas nos 40 municípios”, detalhou o superintendente estadual do banco em Alagoas, Wesley Maciel.

A equipe do banco esteve reunida nesta quarta-feira (11) com o prefeito Rogério Teófilo, que demonstrou total interesse em participar como expositor do Fórum em um espaço disponibilizado pelo banco, mas o material e conteúdo a ser exposto fica ao cargo do município. Tal material pode envolver casos de sucesso em concessões públicas ou Parcerias Público-Privadas (PPP), projetos estruturantes em desenvolvimento ou a desenvolver, dentre outros.

*Secom Arapiraca