Aguarde. Carregando informações.
MENU

Quarta-Feira, 29 de maio de 2024

Maceió

Técnicos e colegiado debatem avanços e desafios do programa Renasce Salgadinho

Técnicos e colegiado debatem avanços e desafios do programa Renasce Salgadinho

(Imagem: Ascom Semurb)

O Conselho Municipal de Proteção Ambiental (Compram) reuniu-se nesta terça-feira, 14, em sessão ordinária para discutir os detalhes e as próximas etapas do programa Renasce Salgadinho. Técnicos da Unidade de Gestão de Projetos da Prefeitura de Maceió estiveram presentes para apresentar ao colegiado os avanços e desafios enfrentados durante a implementação do programa.

Sob a coordenação do Secretário de Meio Ambiente e Urbanismo, Marcos Cavalcanti, a reunião contou com a participação de Paula Nascimento e Jhoosef Costa, membros da equipe técnica do Renasce Salgadinho, que detalharam desde a fase inicial até os planos de revitalização urbana das áreas afetadas pelo programa.

O Renasce Salgadinho, considerado uma das principais iniciativas da gestão municipal e o maior investimento no setor ambiental de Maceió, engloba uma série de ações abrangentes, desde a requalificação ambiental até melhorias na infraestrutura urbana. Durante a apresentação, os conselheiros tiveram a oportunidade de esclarecer dúvidas, sugerir ideias e elogiar o projeto, que promete beneficiar mais de 300 mil habitantes da região.

Para o titular da Semurb, a reunião foi essencial para acompanhar o progresso do projeto e compreender os desafios enfrentados durante a execução. “Enquanto secretário de Meio Ambiente e Urbanismo é de grande importância acompanhar de perto o andamento deste grande projeto. Foi a Semurb que licenciou e monitora as condicionantes das obras e a reunião de hoje foi uma verdadeira aula intensiva sobre o Renasce Salgadinho”, disse Marcos Cavalcanti.

Paula Nascimento, gerente socioambiental da UGP, destacou o papel crucial das intervenções socioeducacionais para o sucesso do projeto em todas as suas fases. "Estamos constantemente realizando ações de conscientização e educação ambiental nas comunidades diretamente beneficiadas pelo programa, seja por meio de atividades em escolas ou visitas domiciliares. Um dos resultados desse esforço é a redução do descarte irregular de lixo nos córregos e riachos", afirmou Paula.

Ela enfatizou ainda a importância do encontro com o colegiado, ressaltando o papel fundamental deste órgão na defesa e proteção do meio ambiente. "É essencial que os conselheiros estejam cientes do andamento da obra e do principal objetivo do programa, que é ambiental e social. Estamos muito satisfeitos com a oportunidade de compartilhar informações sobre o Renasce Salgadinho com eles", concluiu.

*Secom Maceió