Aguarde. Carregando informações.
MENU

Quarta-Feira, 29 de maio de 2024

Maceió

Vigilância Sanitária apreende 350 kg de produtos estragados na parte alta de Maceió

Vigilância Sanitária apreende 350 kg de produtos estragados na parte alta de Maceió

(Imagem: Cortesia)

Na manhã desta terça-feira (16), em uma ação de fiscalização no bairro Chã da Jaqueira, a Vigilância Sanitária de Maceió (Visa), apreendeu 350 kg de alimentos impróprios para o consumo em estabelecimentos comerciais da região.

Durante a inspeção, foram identificados carnes bovinas e laticínios com prazos de validade vencidos e em condições de risco  à saúde do consumidor.  De acordo com Airton Santos, chefe especial da Visa de Maceió, produtos como iogurtes, chantilly, margarinas e alguns tipos de carne estavam expostos para a comercialização com vencimentos expirados. Algumas carnes estavam estragadas.

Ainda de acordo com o órgão, a comercialização irregular de produtos estragados e vencidos pode ocasionar um grave risco à saúde da população. Com isso, os estabelecimentos que atuam dessa forma inapropriada devem ser autuados e os alimentos recolhidos de modo a proteger à saúde pública e também penalizar a quem vende de forma indevida.

“Nos estabelecimentos fiscalizados nesta manhã, na Chã da Jaqueira, apreendemos 350 kg de produtos estragados, que serão descartados no aterro sanitário de Maceió. Nosso intuito é assegurar a saúde do consumidor e conscientizar representantes comerciais sobre os padrões sanitários a serem seguidos, e que deve haver responsabilidade com a saúde de quem vai consumir os produtos”, afirmou Airton.

Os estabelecimentos receberam um reforço sobre os padrões sanitários exigidos (como o cuidado na manipulação, armazenamento, refrigeração, higiene e validade dos produtos) e foram autuados. Os representantes deverão responder a processo administrativo, cuja penalidade inclui multa no valor entre R$ 180,00 a R$ 38 mil pela infração.

Denúncia

Para denunciar irregularidades, em estabelecimentos fora das adequações sanitárias e que causam riscos à saúde da população, os maceioenses podem entrar em contato pelo telefone (82) 3312-5495, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, ou pelo WhatsApp (82) 98752-2000, que funciona 24h, todos os dias, para o recebimento de mensagem de texto, foto e/ou vídeo. Todas as denúncias são anônimas, garantindo o sigilo do denunciante.

*Secom Maceió