Aguarde. Carregando informações.
Entretenimento

Galvão Bueno revela decisão tomada após sofrer infarto em Lima

Galvão Bueno revela decisão tomada após sofrer infarto em Lima

(Imagem: Reprodução)

Galvão Bueno assustou todo o Brasil quando, dois dias antes da grande final da Copa Libertadores da América, sofreu um infarto, tendo de ser levado às pressas até um hospital de Lima, no Peru. O narrador deu entrevista ao Fantástico, neste domingo (01/12/2019) e detalhou o que aconteceu no dia em que precisou de um cateterismo para desobstrução de uma artéria coronariana.

“Eu não queria ir para o hospital”, contou, dizendo que achava a dor no peito que sentiu no dia 21 de novembro era apenas um reflexo do nervosismo de narrar Flamengo contra River Plate. “Porém, começou a doer o braço e a Desirée [Soares, esposa de Galvão] chamou uma ambulância”, disse ele a Tadeu Schmidt.

Internado, Bueno disse que a equipe peruana entrou em contato com o médico dele, em São Paulo. Ao ver o resultado do eletrocardiograma, o profissional brasileiro afirmou que o cateterismo teria de ser feito imediatamente.

Galvão relatou que, apesar de estar se sentindo bem, ficou um receio psicológico com tudo o que passou. “Quando saí para o hospital, pensei: ‘Será que chegou minha hora?'”, lembrou. No momento em que se viu recuperado, Galvão aproveitou para pensar na vida.

Dos orgulhos que tem, das conquistas que obteve e até mesmo dos erros e exageros cometidos. “E tomei uma decisão. Sou muito chegado a minha família. Tenho que dar mais tempo a eles”, garantiu, com energia.

Por fim, ele deixou claro que vai continuar tomando vinho com moderação e que o mais urgente mesmo é regular o estresse. Como ele vai fazer isso em decisões de campeonato? Ainda não sabe. Mas ele garante: assistiu à vitória do Flamengo. “Nem perguntei se podia”, contou.

*Metrópoles