Aguarde. Carregando informações.
MENU

Quinta-Feira, 21 de janeiro de 2021

Esportes

CSA sofre 2 gols no 1º tempo e perde para o Paraná na Vila Capanema

CSA sofre 2 gols no 1º tempo e perde para o Paraná na Vila Capanema

(Imagem: Maria Clara Galluzzi)

O Paraná foi cirúrgico na Vila Capanema e reagiu na Série B. Nesta terça, fez dois gols no primeiro tempo e venceu o CSA por 2 a 0. Jean Victor e Renan Bressan, de falta, marcaram na partida. O time alagoano luta pelo acesso e continua no G-4. Por outro lado, o Tricolor se mantém na briga para fugir do Z-4.

Como fica?

O Paraná chegou a 36 pontos e ultrapassou o Figueirense. Está agora na 17ª colocação da Série B e continua na luta para escapar da queda. O CSA perdeu, mas foi beneficiado pela derrota o Juventude para o Brasil de Pelotas e não saiu do G-4. Segue na quarta colocação.

Jean Victor comemora o primeiro gol do Paraná

Jean Victor comemora o primeiro gol do Paraná (Foto: Rui Santos)

Agenda

Pela 35ª rodada, o Paraná visita o Sampaio Corrêa. O jogo está marcado para a próxima sexta, às 19h15, no Castelão, em São Luís. O CSA joga no sábado. Recebe o Avaí no Estádio Rei Pelé, em Maceió, às 16h30.

Paraná x CSA

Paraná x CSA (Foto: Rui Santos)

Golaço de Bressan!

Não é comum gol de falta nesta edição da Série B. Por isso, o lance protagonizado por Renan Bressan merece destaque. Aos 20 do 1º tempo, ele foi preciso na cobrança, tirando do goleiro Matheus Mendes. O segundo gol deu mais tranquilidade ao Paraná na partida.

1º tempo

O Paraná marcou a saída de bola do CSA e foi muito eficiente. Bloqueou as ações do adversário e foi preciso quando chegou. Aos sete minutos, Jean Victor cruzou por baixo, Rodolfo Filemon cortou mal e Jean encheu o pé para abrir o placar.

O CSA tentou responder num chute perigoso de Cedric, mas foi pouco. Aos 24, Renan Bressan bateu falta com extrema categoria e marcou o segundo do Paraná.

2º tempo

O CSA começou em cima. Aos 3 minutos, Cedric cruzou da direita e Rafael Bilu cabeceou na trave. Na sequência, Thiago Alves recebeu na área de Gabriel Pires, finalizou cruzado e assustou o goleiro do CSA.

Aos 8, Yago cruzou e quase Pimpão diminuiu o placar. O lateral Paulo Henrique estava atento e salvou o Paraná. O CSA apostava nos cruzamentos pela direita. Gabriel caprichou e quase Paulo Sérgio marcou, aos 20. Por fim, aos 39, Rone achou espaço na marcação do Paraná e finalizou da entrada da área: Renan espalmou. Bem postado na defesa, o Tricolor soube controlar o ímpeto do adversário e garantiu a vitória.

*GE