Aguarde. Carregando informações.
MENU

Segunda-Feira, 18 de fevereiro de 2019 | TEMPO: PARCIALMENTE NUBLADO

Esportes

Satisfeito com o CSA, Cabo elogia comprometimento tático da equipe: 'Gostei muito'

Técnico afirma que Azulão reagiu bem no empate sem gols com o CRB

Satisfeito com o CSA, Cabo elogia comprometimento tático da equipe: 'Gostei muito'

(Imagem: Ailton Cruz/Gazeta de Alagoas)

O empate com o CRB, por 0 a 0, foi um bom resultado para o CSA. Pelo menos, para o técnico Marcelo Cabo. O treinador valorizou o ponto conquistado neste domingo.

Satisfeito com o desempenho da sua equipe no Rei Pelé, ele não poupou elogios: destacou a vontade dos jogadores e o comprometimento tático da equipe. O Azulão está na terceira colocação na tabela, com sete pontos.

– Foi um clássico muito equilibrado, gostei muito da minha equipe nos dois tempos. A gente teve um equilíbrio do jogo por muito tempo. A gente conseguiu implementar uma marcação forte no campo do adversário. Clássico é decidido em detalhes. Estou muito satisfeito com a reação da equipe. Depois de um momento difícil na quarta-feira [eliminação na Copa do Brasil], os meninos reagiram bem, se entregaram. A gente foi muito bem taticamente, só faltou a cereja do bolo: o gol. A gente não saiu com a vitória, mas é um ponto importante.

Apesar da rivalidade, Cabo reconheceu as qualidades do CRB. Para ele, o CSA soube minar as ofensivas do CRB.

– Criamos boas oportunidades e eles optaram pelo contra-ataque, com o Mailson. Nossa linha funcionou bem, eles entraram bastante em impedimento. A nossa bola parada e o nosso treinamento defensivo também funcionaram bem. É um jogo de ocupação de espaço. O papel do treinador é dificultar a ação do adversário, eles fizeram isso também. O time deles é qualificado, experiente. E em um clássico você não tem cinco, seis chances de gol...

Elogio do chefe

Estreante no Clássico das Multidões, Victor Paraíba foi muito elogiado por Marcelo Cabo. O treinador destacou também a entrada de Gérson Júnior, que substituiu Victor no segundo tempo.

– Gostei da aproximação do Hiago com o Victor. Fiquei muito satisfeito com a atuação do Victor. Gostei da personalidade dele, das ações dele no jogo. E também lançamos um menino que ainda é sub-20, o Gersinho, que é mais driblador – completou.

Pelo Alagoano, o CSA enfrenta o CEO no dia 24 de fevereiro. Antes disso, encara o Salgueiro no dia 17, pela quarta rodada da Copa do Nordeste.

*Globo Esporte

Comentários