Aguarde. Carregando informações.
MENU

Quinta-Feira, 21 de janeiro de 2021

Interior

Prefeitura de Penedo pede que população reduza o consumo de água

Prefeitura de Penedo pede que população reduza o consumo de água

(Imagem: Reprodução)

O Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae) de Penedo, no interior de Alagoas, apelou nesta segunda-feira (11) que a população do município economize no uso da água. O pedido foi feito após uma redução drástica na vazão da Usina Hidrelétrica de Xingó, que fica a alguns quilômetros do município.

O volume da vazão da usina caiu de 2.300 metros cúbicos por segundo para 1.100 em menos de quinze dias. Uma queda similar ocorreu na UHE Sobradinho, na Bahia, entre os dias 30 de dezembro e três de janeiro, segundo documento da Companhia Hidrelétrica do Rio São Francisco (Chesf).

 

A Companhia argumentou que, no caso de Xingó, a redução ocorreu para atender a uma resolução da Agência Nacional de Águas (ANA). Ainda segundo a Chesf, uma elevação pode ocorrer a depender da necessidade do Sistema Integrado Nacional (SIN), que coordena a produção de energia elétrica no Brasil.

A redução na vazão ocasionou em uma descida no nível do Rio São Francisco na cidade de Penedo. Segundo a prefeitura local, apenas uma das três bombas funcionarão na estação da Rocheira, que atende 75% da população da cidade, podendo essa própria vir a ter problemas, caso o nível continue reduzido.

"A gente precisa de 175 mil litros de água, por segundo, para abastecer toda a rede do SAAE, fora os locais abastecidos por poços artesianos. E esta bomba que ainda está funcionando na estação da Rocheira puxa apenas 30% da vazão que o sistema precisa", acrescenta Caio Gonçalves, funcionário do local.

Nos momentos de subida na maré, as outras duas bombas podem ser acionadas, segundo ele. Caso não haja movimentação significativa na maré, contudo, ele diz que o desabastecimento seguirá igual, e que esse alívio deve servir momentaneamente, e não a longo prazo.

 
 
*Redação Alagoas Alerta com Gazetaweb