Aguarde. Carregando informações.
Interior

Comunidades de Taquarana são beneficiadas com perfuração de poços artesianos

Comunidades de Taquarana são beneficiadas com perfuração de poços artesianos

(Imagem: Pei Fon/ Secom)

Quatro povoados do município de Taquarana estão recebendo água de qualidade e em abundância com a perfuração de poços artesianos do Programa Mais Água Alagoas, executado pelo Governo de Alagoas, por meio da Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semarh).

A entrega simbólica dos poços artesianos foi feita nesta terça-feira (21), pelo governador Paulo Dantas e o secretário de Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Gino César.  Os quatro poços perfurados nos povoados de Canafístula, Pau do Descanso, Chã do Porjo e Mameluco vão beneficiar 434 famílias.

Ao lado do prefeito de Taquarana, Geraldo Cícero da Silva, do deputado federal Isnaldo Bulhões, do deputado estadual Galba Novaes, de vereadores, secretários de Estado e lideranças locais, Paulo Dantas assinou a ordem de serviço para pavimentação de 6 km de vias do município, por meio do Programa Pró-Estrada, da Secretaria de Estado de Transporte e Desenvolvimento (Setrand), com investimentos de R$ 4 milhões do Tesouro Estadual. Serão pavimentadas mais de 40 ruas, beneficiando os 20 mil moradores da cidade.

O município recebeu também um caminhão compactador, por meio do Programa Fortalece Alagoas, e um caminhão para merenda.

"É dessa forma que o Governo do Estado trabalha, integrado com os municípios. Entendemos que descentralizar os recursos para os municípios é fundamental porque é nos municípios que as pessoas vivem", afirmou o governador Paulo Dantas.

O governador ressaltou também a importância de levar água às comunidades rurais, com a perfuração de poços por meio do Programa Mais Água e a entrega de equipamentos do Fortalece Alagoas, que vai reduzir os custos do município com o aluguel de caminhões para a limpeza da cidade.

 

"Para termos desenvolvimento econômico e social, é preciso levar água, energia, boa infraestrutura e também conhecimento e tecnologia. É dessa forma que o Governo do Estado tem trabalhado nos últimos sete anos e continua trabalhando", acentuou Paulo Dantas, que também anunciou a construção de uma Creche CRIA no município.

O prefeito de Taquarana, Geraldo Cícero da Silva, agradeceu por todos os benefícios que o Governo do Estado levou para a população local, ressaltando a importância dos veículos entregues ao município por meio do Programa Fortalece Alagoas e dos poços construídos pelo governo para comunidades que sofriam com a falta de água. "Estaremos assinando hoje a ordem de serviço para levar água encanada para 38 povoados do município", adiantou o prefeito.

CONSTRUÇÃO DE CASAS

O prefeito de Taquarana também pediu o apoio do governo para reconstruir 30 casas que foram destruídas por causa das fortes chuvas no município, que tem ainda 182 casas de taipa que precisam ser construídas em alvenaria.

"Você conta integralmente com o Governo de Alagoas", disse o governador em resposta aos prefeitos e moradores que carregavam faixas pedindo a reconstrução de suas casas destruídas pelas chuvas. O governo vai assinar um convênio com a Prefeitura de Taquarana para construção de mais de 100 casas no município.

PROGRAMA MAIS ÁGUA

Os poços artesianos entregues em Taquarana foram perfurados por meio do Programa Mais Água Alagoas, da Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semarh), que já investiu recursos na ordem de R$ 19 milhões  na perfuração de 400 poços, beneficiando mais de 70 mil pessoas em comunidades do Sertão, Agreste, Planalto da Borborema e regiões onde há escassez de água.

 

Os sistemas de abastecimento de água são compostos de um poço tubular com bomba submersa, que bombeia as águas para um chafariz constituído de uma base com um reservatório em fibra de vidro, com capacidade para 5 mil litros. “Já há um compromisso do governador Paulo Dantas de ampliar a perfuração de poços em todo o estado, não só do Semiárido, mas atingir até as comunidades quilombolas", afirmou o secretário de Estado do Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Gino César.

*Redação Alagoas Alerta com Agência Alagoas