Aguarde. Carregando informações.
MENU

Quinta-Feira, 02 de abril de 2020

Mundo

Menino de 6 anos recebe transplante e tem alta, após 372 dias no hospital

Menino de 6 anos recebe transplante e tem alta, após 372 dias no hospital

(Imagem: Reprodução)

Um menino de apenas 6 anos de idade esperou por mais de um ano até ganhar um novo coração! Ainda recém-nascido, os médicos descobriram que Dylan Nettles, da Geórgia, Estados Unidos, tinha problemas cardíacos congênitos que atrapalhavam o funcionamento do seu coração. O pequeno chegou a passar por uma cirurgia, mas sem resultados muito efetivos.

Em janeiro do ano passado (2019), ele teve que ser internado às pressas em um hospital infantil de Atlanta. O garotinho, na época com 5 anos, estava sofrendo de insuficiência cardíaca e precisava de um transplante. Foi então que Dylan passou longos 372 dias internado no hospital, esperando por um doador. “Foi extremamente difícil assistir Dyl passar por essa espera pelo transplante. Ele não se sentiu mal durante a maior parte do tempo. Então, nem sempre percebia por que tinha que ficar lá”, afirmou o pai, Kenneth Nettles, ao programa Good Morning America.

Brincalhão e divertido, como os funcionários do hospital o definem, Dylan logo tratou de fazer daquele local seu novo lar. Levou seu videogame, recebeu visitas de celebridades e até pediu sua enfermeira favorita em casamento! O pequeno chegou a se formar no jardim de infância, enquanto ainda estava internado.

Após 358 dias na lista de espera de transplantes, Dylan passou pela cirurgia que lhe deu o novo coração. Foram só mais algumas semanas de recuperação, até que o pequeno fosse liberado para voltar para casa – mais de um ano depois de ter dado entrada no hospital. A equipe médica até permitiu que o paciente mirim tocasse o sino de final de tratamento, geralmente tocado por pacientes que terminam suas sessões de quimioterapia e estão livres do câncer. “Dylan rapidamente se tornou o favorito dos funcionários por causa de seu humor, personalidade extrovertida e sorriso cativante”, diz um comunicado oficial do Children’s Healthcare of Atlanta Heart Center.

O menino precisou ficar mais de um ano internado esperando um transplante

O menino estava no hospital, quando se formou no jardim de infância

*Bebê Mamãe

Governo coronavírus