Aguarde. Carregando informações.
Política

Sertão alagoano: Rodrigo Cunha garante R$ 1 milhão para projeto de assistência técnica

Sertão alagoano: Rodrigo Cunha garante R$ 1 milhão para projeto de assistência técnica

(Imagem: Reprodução)

O trabalho do senador Rodrigo Cunha (PSDB) está mudando, para melhor, a realidade de 52 famílias de agricultores do sertão de Alagoas contempladas com o projeto Canal da Cidadania, executado pelo Instituto Brasileiro de Desenvolvimento e Sustentabilidade (IABS).

O recurso de R$ 1 milhão destinado pelo parlamentar para o projeto já está sendo executado com atendimento direto aos agricultores familiares das cidades de Água Branca, Delmiro Gouveia e Pariconha.

A meta do projeto é criar alternativas de trabalho rural, renda e qualidade de vida para as famílias que vivem às margens do Canal do Sertão, em Alagoas. Mesmo com a construção parcial do Canal, milhares de famílias seguem sem acesso à água para irrigação, para beber ou para dar a seus animais, e também sem assistência técnica para o cultivo de lavouras de alimentos e para a venda de seus produtos.

“Apoiamos esta iniciativa que objetiva levar assistência técnica dirigida para o aumento da produtividade dos agricultores da região, gerando emprego e renda e fazendo com que os produtos produzidos por estas famílias ganhem mercado. O Canal da Cidadania foi iniciado ainda em meu mandato como deputado estadual, e agora ampliamos suas ações alcançando mais pessoas de uma região tão querida por mim que é o nosso sertão. Este foi um dos projetos que apoiamos com recursos, lembrando que além desta ação, somente a nossa Central de Emendas destinou outros R$ 3 milhões para 20 projetos executados por entidades da sociedade civil alagoana”, destacou Rodrigo Cunha.

O Projeto Canal da Cidadania é uma iniciativa viabilizada por meio de emenda parlamentar de Rodrigo Cunha e financiado com recursos do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA).

Das famílias contempladas, 91% não tinham acesso a nenhuma assistência técnica em suas atividades agrícolas e 70% precisavam de apoio total em suas demandas por manejo do solo via irrigação. Os recursos de R$ 1 milhão vão servir para apoiar estas comunidades nestas demandas.

*Redação Alagoas Alerta com Assessoria