Aguarde. Carregando informações.
Saúde

Hospital Metropolitano desenvolve ação para oferecer suporte psicológico aos profissionais

Hospital Metropolitano desenvolve ação para oferecer suporte psicológico aos profissionais

(Imagem: Reprodução)

Neste momento de pandemia do novo coronavírus, são essenciais os cuidados com a saúde mental dos profissionais que estão atuando na assistência aos pacientes infectados pela Covid-19. Com base neste princípio, o Hospital Metropolitano disponibiliza plantões psicológicos para conceder suporte aos técnicos que apresentem algum problema emocional.

A ação representa uma medida de humanização das atividades laborais, buscando a valorização da equipe multidisciplinar envolvida no atendimento aos pacientes com a Covid-19. Com isso, o Plantão Psicológico funciona como ajuda para melhoria na qualidade de vida, tanto no âmbito pessoal quanto profissional, com um espaço de acolhimento e segurança para o colaborador.

Em relação aos pacientes, o Hospital Metropolitano dispõe de uma equipe de psicologia hospitalar, que atua com ações psicoterapêuticas para eliminar, diminuir ou prevenir riscos à saúde mental. Isso porque, durante o período em que estão internados com a Covid-19, os pacientes podem ficar deprimidos, uma vez que as visitas presencias são vetadas, diante do alto grau de contágio do novo coronavírus.

"A humanização hospitalar é essencial e precisamos ser empáticos com os pacientes e profissionais para que possamos passar por esse que é o maior desafio de nossa geração. São ações direcionadas pelo governo do Estado para cuidar da saúde mental dos nossos colaboradores, que estão engajados neste trabalho de enfrentamento à Covid-19", destacou Marcos Ramalho, secretário Executivo de Ações em Saúde, que também responde pela direção do Hospital Metropolitano.

O hospital – Inaugurado no último dia 15, o equipamento de saúde disponibiliza 160 leitos exclusivos para tratamento da Covid-19, sendo 30 leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) e 130 de enfermaria. Além da estrutura com respiradores, monitores multiparâmetro e bombas de infusão, entre outros equipamentos, o Hospital Metropolitano permite a realização de exames de tomografia computadorizada – procedimento imprescindível para investigação de doenças respiratórias.

*Redação Alagoas Alerta com Assessoria