Aguarde. Carregando informações.
Polícia

Em ações distintas, PM apreende entorpecentes e registra prisões por tráfico

Em ações distintas, PM apreende entorpecentes e registra prisões por tráfico

(Imagem: Assessoria)

Um caso de Tráfico de Drogas foi registrado pelas equipes de Força Tática 01 e 02 do Batalhão de Polícia de Eventos (BPE) no Barro Duro.

Os PMs suspeitaram a atitude de um casal visto saindo de uma residência. Foi feita a abordagem e com o homem foi encontrado um saquinho contendo maconha in natura. Ele relatou possuir uma quantidade maior de entorpecentes em sua residência. Com a devida autorização foi feita a busca domiciliar.

No quarto do suspeito havia mais drogas (totalizando 842 gramas de maconha) e uma balança de precisão. Diante dos fatos, autor e material (incluindo R$ 235,00 em espécie) foram encaminhados à Central de Flagrantes 01.

02 06 20203bpm2

Também na segunda-feira, no bairro Brasília, em Arapiraca a guarnição de Rocam estava em rondas quando avistou um indivíduo em atitude suspeita. Ele foi abordado e com ele havia uma bombinha maconha e a quantia de R$ 50 em cédulas de menor valor. Mediante devida autorização foram realizas buscas no interior da residência, além de uma munição calibre 38 intacta, mais drogas foram encontradas distribuídas em compartimentos e cômodos distintos.

Com apoio da Cavalaria do 3º BPM, o autor e os materiais encontrados (43 bombinhas de maconha, 35 pinos de cocaína, a munição e o dinheiro) foram levados à Central de Polícia.

5° BPM

Na tarde de segunda-feira, em Maceió, uma ação da Força Tática 01 juntamente com o Serviço de Inteligência do 5º BPM resultou em um flagrante de Tráfico de entorpecentes. Chegou ao conhecimento dos militares que um indivíduo havia recebido uma grande quantidade de drogas (inclusive Skank) e estaria comercializando entorpecentes em sua residência.

02 06 20205bpm

Com o suspeito, localizado na porta de sua residência, havia uma pequena quantidade de maconha. Mediante a devida autorização, foi feita a busca domiciliar e encontrado o restante do material ilícito distribuído pelos cômodos da casa. Ele assumiu ser o proprietário de todo o material entorpecente (um quilo e 700 gramas de maconha além de dois aparelhos telefônicos). Mediante os fatos, foi dado encaminhamento à Central de Flagrantes para serem realizados os procedimentos cabíveis.

*Redação Alagoas Alerta com Assessoria